Ciência

Cientistas afirmam estar perto de acabar com as constipações

ciencia

Um grupo de cientistas das Universidades de York, Leeds e Helsínquia afirmam que podem estar perto de acabar de vez com o vírus comum que causa as constipações.

O trabalho baseia-se numa descoberta feita em 2015, quando cientistas das universidades de Leeds e York, no Reino Unido, identificaram um conjunto de sinais “codificados” no vírus de uma planta, similar à estrutura do vírus que nos humanos causa doenças como a meningite.

Os resultados publicados esta semana na revista Nature Communications, revelam um “código oculto” no genoma do parechovirus humano, da família dos picornavírus (pequenos vírus ARN – propensos a mutações genéticas). Até então os cientistas assumiam que os sinais do vírus estavam localizados numa única área do genoma, mas este estudo sugere que o mecanismo se encontra em locais dispersos.

Esse código é o mesmo em todas as estirpes do vírus da constipação, por isso a solução, agora mais perto que nunca de ser encontrada, é desativar totalmente esse mecanismo viral.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo