Cultura

Helder Moura Pereira vence Grande Prémio de Poesia António Feijó 2016

golpe de teatro
"Golpe de Teatro" - Hélder Moura Pereira

O escritor de 68 anos, natural de Setúbal, Hélder Moura Pereira venceu, esta quarta-feira, a 2ª edição do Grande Prémio de Poesia António Feijó, atribuído pela da Associação Portuguesa de Escritores (APE). A obra premiada foi o livro de poesia “Golpe de Teatro” da editora Assírio & Alvim, que o descreve como “um golpe em quatro atos, sempre mordaz e com notável ironia até ao fim”.

Durante a sua carreira, Hélder Moura Pereira foi também galardoado com o Prémio de Poesia Luís Miguel Nava 2011, com o livro “vencedor do Prémio de Poesia Luís Miguel Nava 2011 com o livro “Se as Coisas Não Fossem o Que São”. Destaca-se ainda o Prémio de Literatura Casa da América Latina/Banif 2009, pela tradução para português do livro chileno “O Inútil da Família”, de Jorge Edwards.

O Grande Prémio de Poesia António Feijó tem um valor de dez mil euros e conta com o patrocínio da Câmara Municipal de Ponte de Lima e da Caixa Agrícola.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo