Cultura

Projeto da Unesco pretende restaurar filmes em África

touki bouki (1973)
Touki Bouki (1973)

A Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco), lançou o projeto African Film Heritage Project (AFHP), que pretende localizar, restaurar e preservar filmes em África. O projeto é presidido pelo conceituado realizador norte-americano Martin Scorsese, e o objetivo é preservar o valor do património artístico e da criatividade africana.

Serão identificados 50 filmes com valor histórico, artístico e cultural que serão depois restaurados. A Unesco pretende inscrever os filmes no Registo Memória do Mundo.

No comunicado divulgado esta semana, Martin Scorcese refere que “Nos últimos dez anos, a World Cinema Project (WCP) já ajudou a restaurar filmes do Egito, Índia, Cuba, Filipinas, Brasil, Arménia, Turquia, Senegal e em tantos outros. Ao longo do tempo, apercebemo-nos da necessidade urgente de preservar e localizar os filmes africanos, para assegurar que as próximas gerações de cinéfilos possam ver e apreciar esses trabalhos”.

Este projeto conta com a parceria do World Cinema Project (WCP) e da Federação Pan-Africana de Realizadores (FEPACI). Esta quinta-feira, serão revelados mais detalhes sobre o projeto em curso no Festival Pan-Africano de Cinema (FESPACO), que se encontra a decorrer na capital de Burquina Faso, Ouagadougou.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo