Angola

Eleições Gerais Angola: Candidato da UNITA em pré-campanha eleitoral no Uíge

unita samakuva

O candidato à presidência do maior partido da oposição – UNITA – Isaías Samakuva, apresentou o manifesto eleitoral do partido num comício no Largo Nguengue na província do Uíge, no passado domingo, 9 de julho.

Isaías Samakuva reforçou a mensagem preconizada pelo partido, caso vença as eleições, de que “vai dedicar-se à criação de condições para que a escola chegue a todas as comunidades e sejam poupadas as crianças do sacrifício de ficar fora do sistema de ensino e de percorrer longas distâncias”. Reforçou que o partido quer garantir “que a educação seja de qualidade”.

Na área da saúde, o candidato da UNITA referiu que vai “prestar atenção devida a este setor, proporcionando condições para assistência médica e medicamentosa às populações, para que os hospitais deixem de ser apenas estruturas físicas que servem para consultas e sem medicamentos para acudir as pessoas afectadas por patologias”. Para isso, o partido quer apostar na “formação de técnicos e agentes sociais que terão a responsabilidade de educar as comunidades, sobre saúde preventiva, através de boas práticas de higiene nas comunidades”.

No que diz respeito à habitação, criticou a política do MPLA, defendendo que o partido no poder “favorece apenas uma franja da sociedade, enquanto a maioria não tem acesso às habitações”.

O Presidente da UNITA focou-se também na questão do emprego, sobre oqual mostrou o interesse especial na camada jovem, e referiu ainda a prioridade em acabar com as “assimetrias regionais”, através da concessão do poder local.

Estando a discursar na província do Uíge, o candidato da oposição aproveitou para fazer referência à produção de café, sendo que a província é o terceiro maior produtor a nível mundial. Isaías Samakuva “defendeu a necessidade da região voltar aos seus tempos áureos, incentivando os produtores a retomarem a produção e apoia-los no escoamento do produto para o mercado”, lê-se na página oficial do partido.

O líder da UNITA voltou a deixar a mensagem que a oposição tem vindo a frisar deste o início do processo eleitoral, de promessa de um “Governo inclusivo e participativo” e afirmou “Temos o guião para mudar o país”.

Esta segunda-feira, 10 de julho, Isaías Samakuva esteve no município de Maquela do Zombo, na mesma província.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo