Brasil | Segurança

Nova revolta em centro penitenciário no Brasil provoca 26 mortos

presosbrasil
Foto: Adriano Abreu/Tribuna do Norte

Pelo menos 26 prisioneiros foram mortos durante uma violenta revolta na Penitenciária de Alcaçuz em Rio Grande do Norte. Os atos de violência terão começado no sábado e apenas foram controlados, pelas forças de ordem, no domingo.

Segundo as autoridades brasileiras a maior parte das vítimas foram decapitadas e esquartejadas.

A revolta terá iniciado após uma luta entre prisioneiros. De acordo com a presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários, Vilma Batista, homens teriam aproximado da prisão antes da revolta e atiraram armas para o interior do centro penitenciário.

Na manhã de domingo, polícias militares entraram no centro prisional com um veículo blindado e carros para tentar acabar com a revolta, que foi controlada apenas por volta das 07:20 horas com a intervenção do Bope e do Choque, além do Grupo de Operações Especiais formado por agentes penitenciários.

A Penitenciária de Alcaçuz em Rio Grande do Norte é considerada a maior do Estado e possuiu uma capacidade para acolher 620 detidos, mas, segundo a Sejuc, órgão responsável do sistema prisional no estado, está a albergar cerca de 1.150 prisioneiros.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo