Cabo Verde

MAI cabo-verdiano instaura processos disciplinares a agentes da esquadra de Achada em Santo António

policianacionalcaboverde

O Ministro da Administração Interna cabo-verdiano Paulo Rocha anunciou a instauração de processos disciplinares após as conclusões feitas ao inquérito interno instaurado para averiguar as causas da morte do cidadão Hélder Delgado na esquadra de Achada em Santo António.

Em declarações à imprensa, o Paulo Rocha afirmou que todos os oficiais e agentes que se encontravam de serviço na noite de 26 para 27 de fevereiro vão ser suspensos e alvos de processo disciplinar por nada terem feito em auxílio do detido.

Para além das medidas internas aplicadas, o responsável pela tutela afirmou que vai dar conhecimento dos factos ao Ministério Público. Algumas medidas no meio prisional estão a ser equacionadas pelo governo. Entre elas destaca-se o projeto para a concepção e criação de um centro único de detenção na Praia.

Este projeto visa acabar com as celas nas esquadras e encaminhar para um único centro toda a população prisional, para uma maior transparência na atuação policial e um maior controlo no rigor nos procedimentos para assim distanciar o agente captor do detido.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo