Crise | Diplomacia | Guiné-Bissau

Alpha Condé quer novo encontro em Conacri para desbloquear situação política

alphaconde02
Alpha Condé

O enviado especial do presidente da Guiné Conacri, Alpha Condé, mediador da CEDEAO para a crise guineense, esteve em Bissau esta quarta-feira.

Fonte diplomática revelou que o emissário de Condé, Kiribi Bangura, convidou os atores signatários do acordo de Conacri para uma reunião, agendada para esta sexta-feira na Guiné Conacri.

O Ministro de Estado e Secretário-geral da Presidente da Guiné Conacri, emissário de Alpha Condé, manteve encontros em Bissau com o Presidente da República, José Mário Vaz, do Parlamento, Cipriano Cassamá, e outros atores políticos guineenses envolvidos no processo.

Informações disponíveis apontam que a deslocação Kiribi Bangura a Bissau, visa dar um ultimato ao poder instituído, sobre o cumprimento do acordo de Conacri, assinado entre as partes em outubro do ano passado.

Desde então, não existe consenso entre os signatários políticos na interpretação do acordo, mesmo assim, organizações internacionais insistem na sua observância.

Recentemente, o presidente da Comissão da CEDEAO, Marcel de Souza, acusou o chefe de Estado guineense, José Mário Vaz, de ter recusado nomear um primeiro-ministro de consenso e consequentemente “a situação está bloqueada”, com tendência a “agravar-se”.

Como medida de pressão, ressalvou ainda o Presidente da Comissão da CEDEAO, os Chefes de Estado e do Governo decidiram que a partir de Abril inicie a retirada da força estacionária ECOMIB da Guiné-Bissau.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo