São Tomé e Príncipe

Zonas rurais de São Tomé e Príncipe vão beneficiar de água potável e saneamento

agricultura-guiné

Foi inaugurado em São Tomé e príncipe na passada segunda-feira dia 27 de fevereiro no centro de formação profissional Brasil-STP o atelier de validação do “Programa Nacional de Água Potável e Saneamento no Meio Rural (PNAEPAR) até o Horizonte 2030”. Financiado pelo Banco Africano de Desenvolvimento (BAD), irão ser beneficiados cerca de 77.600 habitantes, em especial nas zonas rurais de seis câmaras distritais de São Tomé e da região Autónoma do Príncipe, com a exceção de Água-Grande e contará com a consultoria internacional Tunisino do “Group Studi”.

Lígia Barros, coordenadora do PNAEPAR, no ato da inauguração destacou a importância deste programa que vai estar em funcionamento até 2030. Já o Diretor-geral dos recursos naturais e energia, Gilmar Ramos, em representação do Ministro da tutela, afirmou que esta é uma das preocupações do governo que pretende levar a todos os habitantes água potável e saneamento.

Já para a representante do BAD Ceutónia Lima declarou que o acesso à água e ao saneamento é uma regra de justiça social, de dignidade e de igualdade para todos.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo