África Subsaariana | Segurança

Atentados suicidas matam 12 pessoas no estado de Borno na Nigéria

policia-nigeria

Cinco mulheres suicidas mataram 12 pessoas e feriram 11 no estado de Borno, no nordeste do Nigéria, local de nascimento da organização terrorista Boko Haram, informou a polícia na segunda-feira.

Não houve reivindicação imediata da autoria dos ataques, mas o uso de mulheres suicidas em lugares públicos é uma tática cada vez mais adotada pelo Boko Haram.

Segundo o porta-voz da polícia do estado de Borno, Victor Isuku, os ataques ocorreram no domingo às 08:30 na vila de Kofa, a 8 quilómetros da capital do estado Maiduguri.

“A primeira mulher suicida detonou perto de uma mesquita, matando sete pessoas. A segunda detonou numa casa matando cinco pessoas”, disse, acrescentando que 11 pessoas ficaram feridas nos ataques.

Borno foi o estado mais atingido pela insurgência islamista que já matou mais de 20 mil pessoas e deslocou 2,7 milhões de pessoas desde 2009.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo