África Subsaariana | América do Norte | Segurança

Estados Unidos realizaram ataques aéreos contra os rebeldes do Al-Shabaab na Somália

al-shabab

Os EUA realizaram um ataque aéreo contra um grupo de militantes do Al-Shabaab na Somália, anunciaram as autoridades americanas na quarta-feira. Esta é a terceira ação desse tipo num mês.

O comando militar americano para África (Africom) referiu que o ataque ocorreu às 1h30, hora local, a cerca de 480 quilómetros a sudoeste da capital da Somália, Mogadíscio.

“O Departamento de Defesa levou a cabo uma operação conjunta bem sucedida de ataque defensivo contra uma concentração de tropas do Al-Shabaab”, referiu a Africom em comunicado.

Este foi o terceiro ataque dos Estados Unidos contra os militantes islamistas do Al-Shabaab, desde que, em março, o presidente Donald Trump autorizou o Pentágono a tomar medidas antiterroristas – sejam ataques aéreos ou raids terrestres – quando julgar necessário para apoiar o governo da Somália.

A ofensiva aconteceu dentro dos “parâmetros de autoridade do Pentágono para a auto-defesa coletiva dos nossos parceiros somalianos”, disse o porta-voz do Pentágono, o Capitão da Marinha, Jeff Davis.

Antes de Trump alargar a autoridade do Pentágono, as ações militares americanas no país africano exigiam uma análise de alto nível de diferentes agências da defesa e segurança.

O Al-Shabaab, com ligações à Al-Qaeda, tem combatido na Somália desde 2007, para derrubar o frágil governo em Mogadíscio, mas internacionalmente reconhecido.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo