África Subsaariana | Crise

Líderes da ONU reúnem no Reino Unido para debater a crise na Somália

fome-somalia

O Reino Unido está a organizar uma conferência de alto nível para analisar o agravamento da crise humanitária e da situação de segurança na Somália.

A primeira-ministra, Theresa May, e o Secretário-Geral das Nações Unidas, António Guterres, vão reunir-se esta quinta-feira com o presidente da Somália, Mohamed Abdullahi Mohamed.

Várias instituições de caridade que trabalham para combater a fome no país defendem que as dívidas da Somália devem ser perdoadas.

O diretor da instituição “Save the Children”, Keven Watkins, disse que o país africano “continua a caminhar em direção à fome de forma inevitável”. O responsável apelou a mais ajuda internacional, incluindo a do Banco Mundial.

Guterres comentou que a fome tem sido atenuada até ao momento mas que a situação fica mais grave a cada dia que passa. “Tememos o pior”, disse.

Centenas de milhares de somalianos, a maioria dos quais mulheres e crianças, têm sido deslocados devido a uma seca que já dura desde o último mês de Novembro.

 

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo