África Subsaariana

Quase 250 mil pessoas afetadas pelo Ciclone Enawo em Madagáscar

cyclone enawo

Em comunicado divulgado esta sexta-feira, a UNICEF refere que cerca de 250 mil pessoas foram afetadas pelo ciclone Enawo, em Madagáscar. As mortes ultrapassam já as 80, com 18 desaparecidos e mais de 250 feridos.

O Fundo das Nações Unidas para as Crianças, tem apoiado desde o início a população malgaxe, e esta semana fez chegar através de transporte aéreo, 79 toneladas em bens de ajuda humanitária. No entanto, é difícil saber o verdadeiro impacto do ciclone, devidos às cheias que se seguiram à tempestade e que dificultam ainda mais o acesso a zonas já por si isoladas.

A representante da UNICEF em Madagáscar, Elke Wisch, garante que estão a desenvolver esforços em conjunto com o Governo de Madagáscar, para que a ajuda chegue a todos os que necessitem e reforçou que a organização vai “continuar a ajudar a população de Madagáscar que ficou afetada pelo ciclone, de forma incansável, em especial as crianças, que são sempre os mais vulneráveis nos desastres”.

Madagáscar é um país com cerca de 23 milhões de pessoas, e só nos últimos 35 anos foi afetado por 46 desastres naturais, que se estima em estragos de mil milhões de dólares.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo