África Subsaariana | Crise

UNICEF reforça apelo contra a violência submetida às crianças no Kasai

congo 2

A UNICEF divulgou esta segunda-feira um comunicado onde reforça o apelo contra a violência de que as mulheres e crianças são alvo, na região do Grande Kasai, na República Democrática do Congo. Segundo a organização “o mundo não pode fechar os olhos”, pois nos últimos doze meses, mais de 1.4 milhões de pessoas – entre as quais 850.000 crianças – foram forçadas a abandonar as suas casas, avança a Rádio ONU.

Relativamente às crianças, um dos maiores problemas é o recrutamento em massa para a integração nas forças armadas. A UNICEF sublinha que “nada pode justificar estes atos”. Também o difícil acesso aos medicamentos continua afetar as crianças e são atualmente 400.000 em risco de vir a sofrer de má nutrição aguda severa. A maioria das crianças já perdeu um ano de escolaridade, pois o medo da violência impede os professores de dar aulas e os pais de enviar os filhos para a escola.

Desse modo, a UNICEF pede às partes envolvidas no conflito que as projetam e sublinha a necessidade urgente de facilitar a chegada da ajuda humanitária a que mais precisa.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo