América do Norte | Segurança

EUA excluem Iraque da lei anti-imigração

donald-trump

O presidente dos EUA apresenta esta segunda-feira uma lei para impedir por 90 dias a concessão de vistos aos cidadãos de seis países predominantemente muçulmanos (Irão, Líbia, Somália, Síria, Sudão e Iémene).

A medida, sempre de acordo com as primeiras versões oficiais, removeu da lista o Iraque e tenta evitar um novo bloqueio judicial aligeirando a carga restritiva da primeira.

Assim, permite a entrada dos cidadãos de nações citadas que já tenham vistos, residência ou dupla nacionalidade, e removeu a proibição indefinida de refugiados sírios.

Mas o seu núcleo duro permanece ativo: na primeira versão, as fronteiras ficavam fechadas por 90 dias a cidadãos de sete países de maioria muçulmana e por 120 dias a refugiados. Agora ficam afastadas essa divisão e a suspensão indefinida. A nova ordem estabelece uma única categoria com uma suspensão de 120 dias.

A lei entrará em vigor a 16 de Março.

 

 

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo