Europa | Segurança

Distúrbios na abertura do G20 em Hamburgo, cerca de 80 polícias feridos

antig20

Centenas de manifestantes desfilaram esta sexta-feira de manhã nas ruas de Hamburgo, Alemanha, onde terá lugar a cimeira do G20.

O grupo “Block G20 – Colour the red zone” já anunciou que pretende penetrar na zona de segurança, onde será realizada a cimeira. Cerca de um milhar de manifestantes, vestidos de branco e roxo, estão concentrados no porto da cidade.

Testemunhas referem que a polícia alemã têm utilizado matracas para dispersar os manifestantes, e cocktails molotov foram lançados contra as forças de ordem, em confrontos com mais de 200 manifestantes.

Esta quinta-feira, cerca de 12.000 pessoas desfilaram na cidade entoando o slogan “Welcome to Hell” (Bem vindo ao Inferno), o desfile foi travado pelas forças de ordem gerando confrontos com a polícia que teve de utilizar gás lacrimogéneo para dispersar os mais radicais, vestidos de negro e encapuçados. Vários veículos foram incendiados e montras de lojas e bancos destruídas. Durante os confrontos 76 polícias foram feridos.

A cimeira do G20 reúne os principais dirigentes das primeiras potências económicas mundiais, entre os quais Donald Trump e Vladimir Putin. Tradicionalmente a cimeira do G20 atrai numerosos manifestantes.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo