Europa | Segurança

Explosão de envelope armadilhado faz um ferido nos escritórios do FMI em Paris

policia-franca

A explosão de um envelope armadilhado feriu uma pessoa nos escritórios do Fundo Monetário Internacional (FMI) em Paris, informou a polícia. Segundo o jornal Le Figaro, que cita fontes policiais, a vítima é uma assistente da direção, que ficou com ferimentos nas mãos e na face.

Não é ainda claro quem terá enviado a carta, mas, segundo os primeiros elementos, um petardo poderá estar na origem da explosão. De acordo com declarações do chefe da polícia, Michel Cadot, trata-se de um explosivo artesanal, “era algo feito em casa”, disse.

A diretora-geral do FMI, Christine Lagarde, já condenou a explosão, que considerou um “ato de violência cobarde”, confirmando que causou ferimentos num membro da equipa.

Em comunicado, Lagarde informou que o FMI está a trabalhar com as autoridades na investigação. “Condeno este ato cobarde de violência e reafirmo a vontade do FMI de continuar a trabalhar conforme o nosso mandato. Estamos a trabalhar em conjunto com as autoridades francesas para investigar este acidente e garantir a segurança dos nossos funcionários”, concluiu a responsável.

Desde os ataques terroristas em Paris a 13 de novembro de 2015 que a França tem em vigor o Estado de Emergência.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo