Europa

Primeiro-ministro Mark Rutte vence legislativas da Holanda e afasta extrema-direita

rutte

O partido VVD liderado pelo primeiro-ministro holandês, Mark Rutte, venceu as eleições de quarta-feira, ao conquistar 33 assentos. Esta vitória abre a porta à formação de um governo de coligação de centro-direita.

Os lugares conquistados pelo VVD, de direita, juntamente com os 19 obtidos tanto pelos democratas-cristãos como pelo partido Democracia D66, dariam lugar a um Executivo em minoria com 71 deputados.

Para conseguir os 76 deputados que dão a maioria absoluta na Câmara Baixa, com 150 membros, Mark Rutte terá que recorrer aos nove lugares dos trabalhistas (PvdA), que fizeram parte do Governo na anterior legislatura.

Apesar de o Partido da Liberdade (PVV, de extrema-direita) de Geert Wilders ter conquistado 20 assentos nestas eleições,  a maioria das formações políticas recusou durante a campanha eleitoral uma coligação com Wilders.

Mesmo assim, depois de se ter ficado a saber que ficou em segundo lugar nas eleições, Geert Wilders afirmou-se pronto para integrar o futuro Governo holandês caso seja convidado.

Estas eleições na Holanda tinham uma importância acrescida, a eventual vitória de Wilders, à frente nas sondagens das intenções de voto, poderia dar um impulso às forças populistas xenófobas nas eleições de outros países europeus.

Esta quinta-feira, Mark Rutte deverá iniciar negociações, que se antecipam longas, com outros partidos para formar Governo.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo