Médio Oriente | Segurança

Rússia suspende coordenação com os Estados Unidos na Síria

Russian Su-25 ground attack jets prepare to land after return from Syria at a Russian air base in Primorsko-Akhtarsk, southern Russia, Wednesday, March 16, 2016. More Russian planes returned from Syria on Wednesday, two days after President Vladimir Putin ordered Russian military to withdraw most of its fighting forces from Syria, signaling an end to Russia's five-and-a-half month air campaign.(Olga Balashova/Russian Defense Ministry Press Service via AP)

O ministro da defesa russo anunciou que o país vai suspender a coordenação com os Estados Unidos na Síria depois de a coligação liderada pelos norte-americanos ter abatido um avião militar sírio.

Os Estados Unidos e a Rússia têm disponibilizado cobertura aérea desde 2015 ao governo de Bashar Assad na sua ofensiva contra o Estado Islâmico, tendo sido estabelecido entre os dois países que não haveria incidentes entre os aviões russos e norte-americanos a operar na Síria.

O ministro da defesa da Rússia declarou que o acordo está suspenso depois Washington ter confirmado que abateu no passado domingo um avião de combate da Força Aérea Síria, o qual teria bombardeado um setor perto das forças aliadas aos norte-americanos.

O ministro diz ver o incidente como um “fracasso deliberado de Washington em manter os seus compromissos”.

 

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo