Crise | Sahel

ONU em missão à Bacia do Lago Chade para avaliar crise humanitária crónica

Lago Chade ONU

Uma delegação de 15 Embaixadores de França, Reino Unido e Senegal, que integram o Conselho de Segurança da ONU, chegaram esta quinta-feira a Yaoundé, nos Camarões numa missão que se prolonga até 7 de março e passará pelo Chade, Níger e Nigéria.

A missão à Bacia do Lago Chade tem como objetivo proceder à avaliação da crise humanitária nesses países, assim como o empenhamento no combate às ameaças de segurança devido às ações da milícia terrorista Boko Haram.

Os diplomatas do Conselho de Segurança, vão também avaliar de perto a crise humanitária crescente na Bacia do Lago Chade e perceber quais são as causas da fragilidade crónica na região.

A ONU estima que 10,7 milhões de pessoas necessitam de assistência na Bacia do Lago Chade. No total, são 7 milhões de habitantes que passam fome e as crianças representam a maioria. O número de desalojados também triplicou nos últimos dois anos, e contam-se 2,3 milhões de pessoas sem casa.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo