Alterações climáticas podem causar tempestades mais intensas em toda a Europa

Os especialistas em clima mostraram que haverá um aumento significativo na ocorrência de tempestades intensas e lentas na Europa relacionadas com as alterações climáticas.

Os cientistas estimam que essas tempestades lentas podem ser 14 vezes mais frequentes em toda o planeta até o final do século. São essas tempestades lentas que têm o potencial de acumulações muito altas de precipitação, com impactos devastadores, como vimos na Alemanha e na Bélgica recentemente.

Liderados por Abdullah Kahraman, da Escola de Engenharia da Universidade de Newcastle, os investigadores usaram simulações de modelos climáticos muito detalhadas no Met Office Hadley Centre do Reino Unido. Descobriram que o movimento mais lento da tempestade age para aumentar a quantidade de chuva que se acumula localmente, aumentando o risco de cheias na Europa além do que é esperado com base em estudos anteriores.

Os resultados do estudo são relevantes para a mitigação climática e política de adaptação na Europa, com implicações específicas para os impactos de inundações futuras, o projeto de sistemas de infraestrutura e a gestão de recursos hídricos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Moçambique: Medidas para conter a pandemia agradam à população

Moçambique: Medidas para conter a pandemia agradam à população

Após 24 horas da entrada em vigor do novo Decreto presidencial para conter a propagação da Covid-19 em Moçambique, munícipes…
Cabo Verde quer parceria com Angola nos transportes aéreos

Cabo Verde quer parceria com Angola nos transportes aéreos

O chefe de Estado cabo-verdiano, Jorge Carlos Fonseca, manifestou durante a cimeira da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP),…
Guiné-Bissau: Sissoco Embaló quer contribuir na resolução da crise no Mali

Guiné-Bissau: Sissoco Embaló quer contribuir na resolução da crise no Mali

Durante a visita à Guiné-Bissau do presidente da República Democrática do Congo (RDC) e da União Africana, Félix Tshisekedi, o…
Moçambique: Quitunda e Maganja continuam a acolher deslocados de Palma

Moçambique: Quitunda e Maganja continuam a acolher deslocados de Palma

Quitunda e Maganja são as duas aldeias moçambicanas que ainda acolhem refugiados vindos do distrito de Palma após ataques terroristas…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin