Cientistas encontram micróbios e vírus com 14.400 anos em glaciar no Tibete

Os primeiros relatos de micróbios de gelo glaciar apareceram no início do século 20, mas foram amplamente ignorados até a década de 1980, quando os micróbios foram investigados no núcleo de gelo do Lago Vostok – o maior dos quase 400 lagos subglaciais conhecidos da Antártica – e estudos subsequentes perto do final da década de 1990.

Esses glaciares foram formados gradualmente com a poeira, gases e muitos vírus que também foram depositados no gelo, refere Zhi-Ping Zhong, investigador do Center of Microbiome Science da Ohio State University.

“Os glaciares no oeste da China não estão bem estudados e nosso objetivo é usar essas informações para refletir sobre os ambientes do passado. E os vírus fazem parte desses ambientes ”. Zhong e colegas analisaram amostras de gelo retiradas em 2015 da calota polar de Guliya, no oeste da China.

Os cientistas determinaram que o gelo tinha pelo menos 14.400 anos, usando uma combinação de novas e tradicionais técnicas para datar esse núcleo de gelo.

“Esses vírus têm assinaturas de genes que os ajudam a infectar células em ambientes frios – apenas assinaturas genéticas surreais de como um vírus é capaz de sobreviver em condições extremas”, refere outro dos investigadores, Matthew Sullivan. “Essas assinaturas não são fáceis de extrair, e o método que desenvolvemos para descontaminar os núcleos e estudar micróbios e vírus no gelo pode nos ajudar a pesquisar essas sequências genéticas noutros ambientes extremos – Marte, por exemplo, a Lua, ou mais perto de casa, no deserto do Atacama, na Terra. ”

“Sabemos muito pouco sobre vírus e micróbios nesses ambientes extremos e o que realmente existe”, disse Lonnie Thompson, também investigador do Center of Microbiome Science. “A documentação e a compreensão disso são extremamente importantes: como as bactérias e os vírus respondem às mudanças climáticas? O que acontece quando saímos de uma era do gelo para um período quente como estamos agora? ”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Cabo Verde: PAICV quer Orçamento Retificativo para municípios

Cabo Verde: PAICV quer Orçamento Retificativo para municípios

O Grupo Parlamentar do PAICV defende que os recursos provenientes do Orçamento Retificativo para 2021 devem ser canalizados para o…
Moçambique: PCA do INSS vacina-se contra COVID-19 e encoraja funcionários

Moçambique: PCA do INSS vacina-se contra COVID-19 e encoraja funcionários

O Presidente do Conselho de Administração do Instituto Nacional de Segurança Social (INSS), Kabir Fahar Ibrahimo, exortou, hoje, 21 de…
Brasil:  Banco Mundial diz que a pandemia trará efeitos negativos nos próximos nove anos

Brasil: Banco Mundial diz que a pandemia trará efeitos negativos nos próximos nove anos

O Banco Mundial divulgou na terça-feira (20/7), um relatório em que afirma que a crise económica causada pela pandemia deve…
Timor-Leste já recebeu ajuda de mais de mil médicos cubanos

Timor-Leste já recebeu ajuda de mais de mil médicos cubanos

O chefe da Brigada Médica Cubana em Timor-Leste, Juan Carlos Chavez, afirmou que mais de mil médicos cubanos já prestaram…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin