Dieta mediterrânea associada a menor risco de mortalidade em idosos

Uma maior adesão à dieta mediterrânica avaliada durante um acompanhamento científico de 20 anos está associada a uma menor mortalidade em adultos com mais de 65 anos.

De acordo com as conclusões do estudo, a análise de biomarcadores dietéticos no plasma e na urina pode contribuir para a avaliação alimentar individualizada de idosos. Conforme explica a líder do estudo, Cristina Andrés-Lacueva, chefe do grupo de investigação do CIBERFES, “desenvolvemos um índice de biomarcadores alimentares com base em grupos de alimentos que fazem parte da dieta mediterrânica e avaliamos a sua associação com a mortalidade”.

Durante os vinte anos de acompanhamento, ocorreram 425 óbitos (139 por doenças cardiovasculares e 89 por causas relacionadas ao cancro). Uma vez analisados ​​os modelos, a pontuação da dieta mediterrânea utilizando os biomarcadores foi inversamente associada a todas as causas de morte.

No estudo, os investigadores escolheram os níveis de referência dos seguintes biomarcadores dietéticos na urina: polifenóis totais e metabólitos de resveratrol (a partir da ingestão de uva) e presentes no plasma, carotenóides plasmáticos, selénio, vitamina B12, ácidos gordos e sua proporção de monoinsaturados e saturados ácidos gordos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

O Presidente russo, Vladimir Putin, apelou ao Exército ucraniano para que retirasse o apoio ao Governo ucraniano, o que significa…
Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmytro Kuleba, confirmou os relatos de ataques e bombardeamentos a creches e orfanatos…
Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

As autoridades russas detiveram mais de 1.800 manifestantes que se opuseram à invasão à Ucrânia.  “Nós estamos preocupados com as…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin