Investigadores criam método para prevenir terremotos causados ​​pela indústria de petróleo e gás

Investigadores conseguiram aplicar em campo, um novo modelo que poderá reduziu terremotos derivados de processos de petróleo e gás.

Quando os humanos bombeiam grandes volumes de fluido para o solo, podem causar terremotos potencialmente prejudiciais, dependendo da geologia subjacente. Este tem sido o caso em certas regiões produtoras de petróleo e gás, onde águas residuais, muitas vezes misturadas com petróleo, são descartadas por injeção no solo – um processo que desencadeou eventos sísmicos consideráveis ​​nos últimos anos.

Agora, os pesquisadores do MIT, desenvolveram um método para gerir essa sismicidade induzida por humanos, e demonstraram que a técnica reduziu com sucesso o número de terremotos que ocorrem num campo de petróleo ativo.

Os resultados, publicados em 28 de julho de 2021, na Nature, podem ajudar a mitigar terremotos causados ​​pela indústria de petróleo e gás, não apenas da injeção de água residual produzida pelo petróleo, mas também aquela produzida a partir de “fraturamento” hidráulico.

A abordagem da equipa também pode ajudar a prevenir terremotos de outras atividades humanas, como o enchimento de reservatórios de água e aquíferos, e o sequestro de dióxido de carbono em formações geológicas profundas.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Angola: Chivukuvuku diz que FPU aceitou resultados eleitorais por pressão internacional

Angola: Chivukuvuku diz que FPU aceitou resultados eleitorais por pressão internacional

O coordenador do projeto político PRA-JA, Abel Chivukuvuku, afirmou que a Frente Patriótica Unida (FPU) venceu as eleições de 2022,…
Portugal vê Cabo Verde como um exemplo para transição energética

Portugal vê Cabo Verde como um exemplo para transição energética

O diretor de Energia e Geologia de Portugal, Jerónimo Cunha, considera que Cabo Verde, apesar de ser um país pequeno,…
Timor-Leste: Xanana pede a jovens que deixem as artes marciais

Timor-Leste: Xanana pede a jovens que deixem as artes marciais

O primeiro-ministro de Timor-Leste, Xanana Gusmão, apelou aos jovens timorenses residentes no país e na diáspora para deixarem de praticar…
Missão do CCISP intensifica a cooperação entre Portugal e Timor no ensino superior, investigação e ciência

Missão do CCISP intensifica a cooperação entre Portugal e Timor no ensino superior, investigação e ciência

A iniciativa de promoção externa contou com a presença de representantes de onze instituições portuguesas de ensino superior politécnico. A…