© Institut d'astrophysique de Paris, Mark A. Garlick - sistema WASP-148

Investigadores identificam dezenas de planetas com melhores condições de vida do que a Terra

Um grupo de investigadores, liderado pelo cientista Dirk Schulze-Makuch da Washington State University, identificou duas dúzias de planetas “superhabitáveis” fora do sistema solar que são mais velhos, maiores, mais quentes e possivelmente mais húmidos do que a Terra.

Embora os planetas identificados estejam a mais de 100 anos-luz de distância da Terra, o estudo pode ser útil na gestão de esforços para observação futura, com o Telescópio Espacial James Web da NASA, o observatório espacial LUVIOR e o telescópio espacial PLATO da Agência Espacial Europeia.

“Com os próximos telescópios espaciais a chegar, teremos mais informações, por isso é importante selecionar alguns alvos”, disse Schulze-Makuch. “Temos que nos concentrar em certos planetas que têm as condições mais promissoras para uma vida complexa. No entanto, temos que ter cuidado para não ficar preso à procura de uma segunda Terra porque pode haver planetas que podem ser mais adequados para a vida do que o nosso. ”

O estudo analisou 4.500 exoplanetas conhecidos. Os planetas muito antigos foram considerados desfavoráveis ​​à vida, tendo sido considerado como ponto ideal para a vida 5 bilhões a 8 bilhões de anos (a Terra tem cerca de 4,5 bilhões de anos).

Outro critério usado no estudo foi o tamanho e a massa – planetas cerca de 1,5 vezes maiores do que a Terra foram considerados ideais. Por fim, os investigadores analisaram a água e a temperatura da superfície – um pouco mais de cada uma, em comparação com a Terra, foi considerada mais propícia ao surgimento e desenvolvimento da vida.

Nenhum dos 24 candidatos identificados atende a todos os critérios especificados, mas um tem até quatro, o que pode significar que é muito mais confortável para a vida do que nosso planeta natal.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Ucrânia e Rússia adiam negociações para esta quinta-feira

Ucrânia e Rússia adiam negociações para esta quinta-feira

As negociações entre a Ucrânia e a Rússia foram adiadas para esta quinta-feira, 03 de março.  A delegação ucraniana está…
Portugal agradece à Roménia apoio no repatriamento de portugueses e ucranianos

Portugal agradece à Roménia apoio no repatriamento de portugueses e ucranianos

O primeiro-ministro português, António Costa, manifestou publicamente ao Presidente da Roménia, Klaus Iohannis, a sua gratidão pelo apoio prestado na…
Guiné-Bissau: PGR quer vigilância acrescida a pessoas com enriquecimento anormal

Guiné-Bissau: PGR quer vigilância acrescida a pessoas com enriquecimento anormal

O Procurador-geral da República (PGR) pediu aos magistrados para estarem atentos às pessoas que procuram vias fáceis para enriquecer, às…
Moçambique: Oposição critica "silêncio" do Governo sobre invasão à Ucrânia

Moçambique: Oposição critica "silêncio" do Governo sobre invasão à Ucrânia

A Renamo e o MDM, partidos moçambicanos da oposição, condenam a invasão da Rússia à Ucrânia. Ambos criticam o “silêncio”…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin