No futuro os aviões poderão usar amoníaco como combustível livre de carbono

As entidades Reaction Engines e o Britain’s Science and Technology Facilities Council (STFC) do Reino Unido, desenvolveram um estudo de conceito sobre a utilidade da utilização do amoníaco como combustível para aviões a jato.

Segundo as informações, é possível combinar a tecnologia de troca de calor dos Motores de Reação com os avançados catalisadores do STFC. O resultado é a produção de um sistema de propulsão sustentável e de baixas emissões para as aeronaves do futuro.

Recorde-se que os modernos motores a jato utilizam uma variedade de combustíveis à base de querosene. Esta combinação complexa de hidrocarbonetos tem uma densidade energética muito elevada que pode impulsionar aviões muito para além da velocidade do som e transportar passageiros e carga em todo o mundo.

No entanto, estes combustíveis são também derivados de combustíveis fósseis e produzem emissões significativas de dióxido de carbono. Segundo alguns compromissos das entidades aeronáuticas e de alguns governos, estas emissões terão de ser drasticamente reduzidas até 2050.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Angola: Angolanos fugidos da Ucrânia podem chegar este mês

Angola: Angolanos fugidos da Ucrânia podem chegar este mês

O Governo angolano está a analisar a possibilidade de fretar um avião com o objetivo de trazer para Luanda os angolanos…
Timor-Leste: Governo diz-se solidário com povo ucraniano

Timor-Leste: Governo diz-se solidário com povo ucraniano

O primeiro-ministro timorense, Taur Matan Ruak, manifestou a solidariedade do seu Governo para com o povo ucraniano, que continua a…
Revista de Imprensa Lusófona de 03 de março de 2022

Revista de Imprensa Lusófona de 03 de março de 2022

O “Jornal de Angola” noticia “Angolanos que fogem da Ucrânia podem chegar a Luanda este mês”. Segundo a “Angop”, os…
Ucrânia e Rússia adiam negociações para esta quinta-feira

Ucrânia e Rússia adiam negociações para esta quinta-feira

As negociações entre a Ucrânia e a Rússia foram adiadas para esta quinta-feira, 03 de março.  A delegação ucraniana está…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin