O novo ‘Papamóvel’ move-se a hidrogénio

O Papa Francisco recebeu na última semana um Toyota Mirai eléctrico, movido a hidrogénio, oferecido pela Conferência dos Bispos Católicos do Japão.

O modelo é um dos dois Toyota Mirai especiais produzidos pelo construtor nipónico para transportar o sumo pontífice durante a sua visita ao Japão em Novembro do ano passado.

A cerimónia de entrega, aconteceu na residência do Papa na Cidade do Vaticano, e contou com a presença do português Miguel Fonseca, vice-presidente da Toyota Motor Europe, e Mauro Caruccio, presidente da Toyota Motor Italia.

Com uma capacidade para 122 litros de hidrogénio, distribuídos por dois depósitos, o Toyota Mirai pode ser abastecido em três minutos para uma autonomia em redor dos 500 quilómetros, emitindo apenas água para a atmosfera.

O papamóvel tem 5,1 metros de comprimento e uma altura (incluindo o teto) de 2,7 metros, permitindo que o Papa fique de pé e seja visível para as pessoas. O “Mirai”, uma palavra que em japonês significa ‘futuro’, é o primeiro sedan movido a hidrogénio produzido em série e foi lançado em 2014.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Guiné-Bissau: Adolescente morre depois de suposta tortura em ritual de fanado

Guiné-Bissau: Adolescente morre depois de suposta tortura em ritual de fanado

O corpo sem vida de Amadu Serra, 17 anos, foi levado esta segunda-feira para o hospital regional de Buba, sul…
Apoios extraordinários  pagos às famílias a partir de 20 de outubro

Apoios extraordinários pagos às famílias a partir de 20 de outubro

Os apoios extraordinários a titulares de rendimentos e de prestações sociais das famílias (de 125 euros), jovens e crianças (de…
Moçambique: Nyusi anuncia seis membros de honra da Frelimo

Moçambique: Nyusi anuncia seis membros de honra da Frelimo

O reeleito líder da Frelimo, Filipe Nyusi, proclamou seis membros de honra do partido nesta segunda-feira, 26 de setembro. Segundo…
Guiné Equatorial assina Tratado sobre a Proibição de Armas Nucleares

Guiné Equatorial assina Tratado sobre a Proibição de Armas Nucleares

A Guiné Equatorial assinou o Tratado sobre a Proibição de Armas Nucleares, aprovado por uma conferência diplomática na Organização das Nações…