Os animais de estimação têm um efeito positivo na saúde do cérebro

Possuir um animal de estimação, como um cão ou um gato, especialmente durante cinco anos ou mais, pode estar associado a um declínio cognitivo mais lento, de acordo com um estudo preliminar divulgado ontem, 23 de fevereiro de 2022.

“Estudos anteriores sugeriram que o vínculo humano-animal pode trazer benefícios à saúde, como diminuir a pressão arterial e o stress”, disse a autora do estudo Tiffany Braley, da Universidade de Michigan. “Os nossos resultados sugerem que a posse de animais de estimação também pode ser protetora contra o declínio cognitivo”.

Ao longo de seis anos de duração do estudom que comparou diferenças de evolução cognitiva em pessoas com e sem animais de estimação, foi possível demonstrar que as pontuações cognitivas diminuíram num ritmo mais lento em donos de animais de estimação. Essa diferença foi ainda maior para os donos de animais de longa data.

O estudo mostrou que os donos de animais de estimação de longo prazo, em média, tinham uma pontuação composta cognitiva 1,2 pontos maior em seis anos em comparação com as pessoas que não tinham animais de estimação. 

Os investigadores descobriram também que os benefícios cognitivos associados à posse de animais de estimação por mais tempo foram mais fortes para adultos negros, adultos com educação universitária e homens. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

O Presidente russo, Vladimir Putin, apelou ao Exército ucraniano para que retirasse o apoio ao Governo ucraniano, o que significa…
Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmytro Kuleba, confirmou os relatos de ataques e bombardeamentos a creches e orfanatos…
Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

As autoridades russas detiveram mais de 1.800 manifestantes que se opuseram à invasão à Ucrânia.  “Nós estamos preocupados com as…
Guiné-Bissau: Ministério Público arquiva o processo contra Domingos Simões Pereira

Guiné-Bissau: Ministério Público arquiva o processo contra Domingos Simões Pereira

No despacho tornado público esta sexta-feira 25 de Fevereiro, o magistrado do Ministério Público, Fernando Mendes, que havia aplicado medida…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin