Tubarões podem dar pistas sobre como regenerar dentes humanos

Uma pesquisa sobre a capacidade de tubarões regenerarem a sua dentição pode ajudar pessoas que perderam os seus dentes.

Investigadores da Universidade de Sheffield, na Grã-Bretanha, identificaram um conjunto de genes – também presentes em humanos – que os tubarões usam para desenvolver e substituir dentes, ao longo de toda a vida. Os cientistas esperam que a pesquisa possa ajudar a descobrir como fazer os dentes de humanos se regenerarem.

Os pesquisadores identificaram como age um grupo de células epiteliais responsáveis por essa regeneração, que os humanos também têm, mas que desaparecem depois de os dentes de leite serem substituídos pelos definitivos.

Segundo o principal autor do estudo, Gareth Fraser, uma das características que fazem dos tubarões bons caçadores são os dentes da frente virados para trás e afiados. “Esses dentes regeneram-se rapidamente ao longo da vida e são substituídos antes que fiquem em más condições”, afirmou.

Os investigadores descobriram que os genes que regeneram os dentes provavelmente estavam presentes nos primeiros invertebrados e mantiveram-se durante cerca de 450 milhões de anos de evolução. Em mamíferos como os humanos, porém, a capacidade de regeneração dos dentes reduziu-se drasticamente ao longo dos anos.

Pela análise de dentes de embriões de tubarões da família Scyliorhinidae, os investigadores documentaram a expressão de genes durante as primeiras etapas da formação dentária desses animais. O estudo descobriu que esses genes estão presentes na formação dos dentes e depois voltam a ser utilizados para a regeneração dentária.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Brasil: bloqueio da aplicação Telegram 

Brasil: bloqueio da aplicação Telegram 

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes revogou neste domingo (20) a decisão, assinada por ele mesmo…
Moçambique: Chuvas intensas "desligam" o país ao longo da estrada EN1

Moçambique: Chuvas intensas "desligam" o país ao longo da estrada EN1

Desde o sábado passado, Moçambique está dividido, em resultado do arrastamento pelas águas das chuvas, de duas pontes ao longo…
Brasil: zero imposto

Brasil: zero imposto

Com vistas à eleição presidencial, Governo Federal zera imposto de importação no etanol e de alimentos básicosO governo federal anunciou…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin