Ciência | Vida

Descoberto na Gronelândia primeiro vertebrado marinho do Atlântico Norte

Um grupo de investigadores, do qual fez parte o paleontólogo português Octávio Mateus, descobriu duas vértebras dorsais e uma costela dorsal do Jurássico Inferior na expedição Geocenter Møns Klint Dinosaur, no leste da Gronelândia em 2012 e 2016. Os ossos encontrados apresentam caraterísticas muitos semelhantes aos ossos do plesiossauro: réptil aquático que foi extinto juntamente com os dinossauros no final do período Cretáceo, facto que confirma que este vertebrado era marinho e existiu durante esse período histórico, sendo assim o primeiro vertebrado a explorar a zona do Atlântico Norte.

Os resultados foram apresentados em dezembro no 60th Annual Meeting Palaeontological Association em Lyon, França. Os ossos estão agora a ser estudados no Museu da Lourinhã e seguem depois para o Museu o Geocenter Moensklint na Dinamarca.

Octávio Mateus fez parte da expedição à Gronelândia em 2012. É doutorado em Paleontologia e Professor auxiliar em Paleontologia da Faculdade de Ciências e Tecnologias da Universidade Nova de Lisboa, é também investigador do Museu da Lourinhã.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo