Dezembro traz O Cerejal e Off ao Teatro D. Maria II

Dezembro é mês de estreias no Teatro Nacional D. Maria II. De 2 a 19 de dezembro, a companhia mala voadora apresenta na Sala Estúdio, e pela primeira vez em Lisboa, o espetáculo Off, enquanto que, de 9 a 19 de dezembro, Tiago Rodrigues traz à Sala Garrett a sua encenação de O Cerejal, de Anton Tchékhov, numa estreia nacional.

Off é um espetáculo de ficção científica. Num tempo indefinido que se parece com o nosso, uma mulher lida com dois fins simultâneos: o do mundo e o da sua própria vida. Pela janela, ela assiste, lá fora, ao mundo a desmoronar-se como consequência direta da degradação que vê acontecer no seu próprio corpo, por efeito de uma doença degenerativa. Vê a sua própria destruição prolongar-se na destruição do mundo.

OFF_©José Caldeira.jpg

Um espetáculo da companhia mala voadora, com direção de Jorge Andrade e texto do próprio e do escritor inglês Chris Thorpe, Off conta com interpretação de Jorge Andrade, Maria Jorge e Tânia Alves. Em cena na Sala Estúdio do D. Maria II de 2 a 19 de dezembro, o espetáculo contará com uma sessão com interpretação em Língua Gestual Portuguesa e conversa com artistas após o espetáculo, no domingo, dia 12 de dezembro.

Enquanto na Sala Estúdio se assiste ao fim do mundo, na Sala Garrett será possível presenciar a inexorável força da mudança, com O Cerejal, encenação de Tiago Rodrigues do último texto escrito pelo dramaturgo russo Anton Tchékhov, em 1904. Estreado no Festival d’Avignon em julho passado, o espetáculo chega agora ao D. Maria II, para 9 apresentações únicas em Portugal, continuando depois em digressão pela Europa.

O Cerejal_© Christophe Raynaud de Lage - Festival d'Avignon.jpeg

Com um elenco de 12 atores e 2 músicos, encabeçado pela atriz francesa Isabelle Huppert, O Cerejal é um espetáculo falado em francês, com legendas em português, e que conta com uma equipa composta por artistas franceses e portugueses. Em palco estarão Isabelle Huppert, Adama Diop, Alex Descas, Alison Valence, David Geselson, Grégoire Monsaingeon, Isabel Abreu, Marcel Bozonnet, Nadim Ahmed, Océane Caïraty, Suzanne Aubert, Tom Adjibi e os músicos Hélder Gonçalves e Manuela Azevedo.

O Cerejal estará em cena na Sala Garrett de 9 a 19 de dezembro. A sessão de 19 de dezembro, domingo, contará com Audiodescrição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

Militantes e delegados dos partidos MPLA (Angola), FRELIMO (Moçambique), ANC (África do Sul) e SWAPO (Namíbia) terminam neste sábado, 26…
Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

O presidente da Comissão de Administração Pública e Poder Local da Assembleia da República de Moçambique, Francisco Mucanheia, chefiou um…
Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

O Ministério das Finanças de Timor-Leste informou, através de um documento, que a construção do Porto de Tíbar chegou a 72%…
Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin