Brasil: País tem um dos 25 casos do mundo da nova variante da covid-19 Deltacron

Uma jornalista brasileira, de 26 anos, foi a primeira pessoa no país a ser diagnosticada com a novíssima variante do coronavírus – a Deltacron, que mistura características da Delta e da Omicron.

Camila Fiorini é uma das 25 pessoas em todo o mundo que estão infectadas pela nova variante do coronavírus. Ela testou positivo após passar as férias na Europa.

“Uma das maiores características de que eu não estou só com a Omicron é que ela normalmente não causa perda de olfato e paladar, foi o que o médico falou comigo. E eu tive [ausência de olfato e paladar] por conta da mistura com a Delta” – disse a jornalista.

A Secretaria de Saúde de Minas Gerais, informou que até a terça-feira (11) não foi notificada a presença da variante Deltacron no estado.

A nova variante foi descoberta pelo professor de ciências biológicas da Universidade de Chipre e chefe do Laboratório de Biotecnologia e Virologia Molecular, Leondios Kostrikis, e até o momento, não se sabe exatamente o nível de contágio da nova cepa.

Carlos Vasconcelos – Correspondente

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Moçambique recebe do Japão cinco viaturas de bombeiros

Moçambique recebe do Japão cinco viaturas de bombeiros

O Governo japonês disponibilizou cerca de 170 mil dólares a Moçambique para a aquisição de cinco viaturas destinadas ao Serviço…
Angola: Reintegrados mais de 500 ex-militares em ações contra fome e pobreza

Angola: Reintegrados mais de 500 ex-militares em ações contra fome e pobreza

A vice-governadora provincial para o setor Político, Social e Económico de Benguela, Lídia Amaro, afirmou que 593 ex-militares foram reintegrados…
Banco Mundial indica crescimento de 4,1% para Timor-Leste

Banco Mundial indica crescimento de 4,1% para Timor-Leste

O Banco Mundial prevê que Timor-Leste registe um crescimento económico de 4,1% em 2024 e 2025, através do alívio das…
UE doa 50 milhões de euros à ONU para refugiados palestinianos

UE doa 50 milhões de euros à ONU para refugiados palestinianos

A União Europeia (UE) anunciou o envio da próxima parcela de 50 milhões de euros para a Agência das Nações…