Especial COVID-19 | Europa

COVID-19 leva a uma queda mensurável da esperança média de vida em Espanha, segundo estudo

espanha

A esperança média de vida em Espanha caiu 0,9 anos entre 2019 e julho de 2020 devido à pandemia COVID-19, de acordo com um novo estudo publicado esta semana no PLOS ONEL.

Os investigadores usaram dados da contagem diária de mortes do Sistema Espanhol de Monitorização de Mortalidade Diária (MoMo) e dados demográficas do Instituto Nacional de Estatística da Espanha. A equipa estimou as expectativas de vida semanal e anual ao nascer entre 2019 e julho de 2020.

A expectativa de vida semanal ao nascer em Espanha foi menor nas semanas 11 a 20 de 2020 – do início de março ao início de maio – em comparação com as mesmas semanas em 2019. Essa queda foi particularmente significativa nas semanas 13 e 14 – de 23 de março a 5 de abril – com declínios nacionais na expectativa de vida semanal variando de 6,1 a 7,6 anos e declínios semanais regionais de até 15 anos em Madrid.

Da mesma forma, a expectativa de vida anual do país como um todo diminuiu 0,9 anos entre 2019 e julho de 2020, tanto para homens quanto para mulheres. Os autores afirmam que essas descobertas fornecem uma medida intuitiva do impacto da pandemia na saúde em toda a Espanha.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo