Especial COVID-19 | São Tomé e Príncipe

STP: Deputados aprovam Estado de Emergência na Região Autónoma do Príncipe

A proposta do Governo de São Tomé e Príncipe para autorizar o estado de emergência na Região Autónoma do Príncipe foi esta quarta-feira aprovada por unanimidade, pelos 50 deputados presentes na sessão que decorreu sem a presença dos deputados da ilha do Príncipe.

Os casos na Região Autónoma do Príncipe tem estado a aumentar desde o início do ano, o que obrigou o primeiro-ministro Jorge Bom Jesus, a deslocar-se esta terça-feira à ilha irmã, onde trabalhou em conjunto com as autoridades regionais visando o reforço de medidas de combate a Covid-19, tendo admitido a adoção do Estado de Emergência face ao aumento de casos na região.

O estado de emergência foi solicitado pelo próprio governo regional liderado pelo Filipe Nascimento, e o Primeiro-ministro Jorge Bom Jesus disse que proposta que teve a concordância do seu Executivo já se encontra no Parlamento, devendo, culminar com um decreto do Presidente da República, de acordo com as tramitações constitucionais do País.

Recorde-se que o governo decidiu prorrogar a Situação de Calamidade Pública por mais 15 dias que irá até o dia 31 de Janeiro bem como o encerramento as aulas do curso noturno como forma de se evitar propagação da Covid-19 no arquipélago, informou o Secretário de Estado para Comunicação Social, Adelino Lucas.

No final da reunião de Alto Nível na passada sexta-feira presidida pelo Presidente da República, Evaristo de Carvalho, no final o porta-voz da reunião o Secretario de Estado da Comunicação Social, Adelino Lucas disse que “ decidiu-se pela continuidade de Situação de Calamidade por mais 15 dias face ao registo de aumento de casos novos de coronavírus nas últimas semanas”.

Além de reforços das medidas de prevenção com participação do ministério da defesa através das forças militares e paramilitares, o Secretário de Estado anunciou também de intervenção do Executivo no âmbito de recuperação económica.

No habitual balanço feito esta terça-feira, o país registou mais 9 casos novos de coronavírus nas últimas 24 horas e total subiu para 1151 por acumulação, 995 recuperações, 5 pacientes internados no hospital, 139 pessoas em isolamento domiciliar e número de óbitos mantem em 17, de acordo com Boletim Covid-19.S

 

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo