Manter o cérebro ativo pode atrasar a doença de Alzheimer em 5 anos

Manter o cérebro ativo na velhice sempre foi uma ideia inteligente, mas um novo estudo sugere que ler, escrever e jogar cartas ou quebra-cabeças pode atrasar o início da demência de Alzheimer até cinco anos.

“A boa notícia é que nunca é tarde para começar a fazer os tipos de atividades acessíveis e baratas que examinamos no nosso estudo”, disse o autor do estudo, Robert S. Wilson, PhD, do Rush University Medical Center, em Chicago. “As nossas descobertas sugerem que pode ser benéfico começar a fazer essas coisas, mesmo aos 80 anos, para atrasar o início da demência de Alzheimer.”

O estudo foi publicado na edição online de 14 de julho de 2021 da Neurology, a revista médica da American Academy of Neurology.

One Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Moçambique: Terroristas matam cinco pessoas em Nangade

Moçambique: Terroristas matam cinco pessoas em Nangade

Mesmo com a presença das Forças de Defesa e Segurança, locais e conjuntas, os terroristas conseguem manobrar e desencadear ataques…
Moçambique: Governadora do Niassa solidariza-se com famílias deslocadas em Mecula

Moçambique: Governadora do Niassa solidariza-se com famílias deslocadas em Mecula

A Governadora da província de Niassa, Elina Judite Massegele, solidarizou-se na  quarta-feira (12), com a população deslocada devidos aos ataques…
Angola: MPLA reitera espírito de tolerância

Angola: MPLA reitera espírito de tolerância

O primeiro secretário do MPLA em Luanda, Bento Bento, reafirmou que o partido no poder em Angola é promotor da tolerância política e…
Timor-Leste: Lu-Olo recandidata-se à Presidência da República

Timor-Leste: Lu-Olo recandidata-se à Presidência da República

O atual Presidente de Timor-Leste, Francisco Guterres Lu-Olo, anunciou neste domingo, 16 de janeiro, a sua recandidatura à Presidência da República.…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin