Especial COVID-19 | Medicina, Saúde e Alimentação

Pais dispostos a aceitar testes menos rigorosos para obter a vacina COVID-19 mais cedo

Cientistas da Universidade de British Columbia descobriram que quase metade dos pais estão dispostos a aceitar testes menos rigorosos da vacina COVID-19 para obtê-la mais cedo.

O estudo que envolveu mais de 2.500 famílias do Canadá, Israel, Japão, Espanha, Suíça e Estados Unidos pretendia saber se estas estavam dispostas a aceitar testes menos rigorosos e aprovação mais rápida de uma vacina COVID-19 para obtê-la mais cedo.

Os resultados revelam que, no geral, 43% dos pais estariam dispostos a aceitar os testes menos rigorosos. Os cientistas também descobriram que os pais estavam mais dispostos a aceitar testes menos rigorosos se estivessem preocupados por terem COVID-19 no momento do inquérito. Os pais, ao contrário das mães, eram mais propensos (52%) a acelerar o teste da vacina e o processo de aprovação.

Atualmente já há mais de 180 vacinas para a COVID-19 em testes. A maioria destas não deverá ser aprovada já que o processo de validação deve destacar as candidatas com maior potencial.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo