Medicina, Saúde e Alimentação | Tecnologia

Teste de urina baseado em Inteligência Artificial deteta cancro da próstata com precisão de quase 100%

Embora o cancro de próstata seja um dos tipos mais comuns, o diagnóstico geralmente é feito com base no antígeno específico da próstata (PSA), com uma precisão até 30%. Dado o quão pouco confiável o teste baseado em PSA pode ser, muitos pacientes requerem biópsia invasiva, o que freqüentemente deixa efeitos colaterais de longo prazo, como dor e sangramento.

Para resolver a situação, investigadores do Instituto Coreano de Ciência e Tecnologia (KIST) desenvolveram recentemente um algoritmo de Inteligência Artificial (IA) que, juntamente com um biossensor ultrassensível baseado num sinal elétrico, pode diagnosticar o cancro da próstata em 20 minutos com quase 100% de precisão.

O estudo envolveu testes de 76 amostras urinárias em que o biossensor mediu quatro traços de fatores que estão relacionados com o cancro da próstata. Após estas medições, o algoritmo de IA correlaciona os dados obtidos com os padrões de cancro de próstata. Os cientistas descobriram assim que o algoritmo de IA é capaz de diagnosticar o cancro de próstata com uma precisão quase perfeita – uma conquista que pode melhorar a vida de milhões de homens em todo o mundo.

In Gab Jeong, investigador do Asan Medical Center, refere que o biossensor inteligente também poderá ser usado para o diagnóstico preciso de muitos outros tipos de cancros com base apenas na análise de urina.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo