Teste em amostra de pele pode diagnosticar Parkinson

Uma nova investigação mostra que um simples teste cutâneo pode identificar com precisão a doença de Parkinson, demonstrando pela primeira vez a viabilidade do método.

Atualmente detetada por sinais e sintomas clínicos, mas apenas definitivamente diagnosticada na autópsia, a doença de Parkinson é normalmente diagnosticada no início do curso da doença, complicando os ensaios de tratamentos potenciais.

O estudo publicado na revista científica Movement Disorders, mostra que um ensaio químico pode detectar a aglomeração da proteína alfa-sinucleína em amostras de pele e assim ajudar a diagnosticar a doença de Parkinson (DP). Os autores do estudo disseram que o uso do ensaio pode levar à detecção precoce de DP e a melhores ensaios clínicos.

“Como não há um teste fácil e confiável disponível para o diagnóstico precoce da doença de Parkinson no momento, achamos que haverá muito interesse no uso potencial de amostras de pele para diagnóstico”, referiu Anumantha Kanthasamy principal autor do estudo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Timor-Leste: Governo autoriza acordo com BAD para aeroporto de Díli

Timor-Leste: Governo autoriza acordo com BAD para aeroporto de Díli

O Governo timorense, através do ministro das Finanças, Rui Gomes, e o Banco Asiático de Desenvolvimento (BAD) vão assinar um…
Cabo Verde: Produção na construção civil regista aumento de 63%

Cabo Verde: Produção na construção civil regista aumento de 63%

A produção na construção civil em Cabo Verde aumentou 63% no segundo trimestre de 2021, em relação ao período homólogo…
Angola: PR aprova financiamento de USD 150 milhões contra Covid-19

Angola: PR aprova financiamento de USD 150 milhões contra Covid-19

O Presidente da República de Angola, João Lourenço, aprovou um empréstimo de 150 milhões de dólares (127 milhões de euros)…
No próximo fim-de-semana, o CCB vai estar na Batalha e em Coimbra

No próximo fim-de-semana, o CCB vai estar na Batalha e em Coimbra

No âmbito de uma parceria estabelecida com a Direção-Geral do Património Cultural (DGPC), o Centro Cultural de Belém (CCB) continua…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin