Cartão SIM permite trocar de operador

Já há cartões que permitem ao utilizador escolher qual a rede a que prefere ligar-se, sem ter necessariamente um vínculo com a operadora de telecomunicações. Mas os cartões SIM eletrónicos, ou e-SIM como são conhecidos, vão trazer um comodismo ainda maior.

As informações destes cartões podem ser reescritas digitalmente por qualquer operador de telecomunicações. Se não estiver satisfeito com os serviços da operadora A, pode fazer uma chamada e esteja nos minutos seguintes a usar os serviços da operadora B ou C.

Este novo standard aprovado pela GSMA, a maior associação do mundo no segmento das telecomunicações, está destinado à Internet das Coisas e aos wearables. Como os e-SIM estão integrados nos próprios equipamentos, não haverá necessidade de troca de cartões.

A maior vantagem estará no uso de equipamentos por utilizadores que viajam com muita frequência – até trocar entre operadores internacionais deverá ser uma tarefa instantêna.

O primeiro dispositivo a tirar partido do novo standard será uma nova edição do relógio Samsung Gear S2. A chegada do wearable está prevista para alguns mercados ainda durante o mês de março.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: INSS forma quadros em matéria de aposentação obrigatória

Moçambique: INSS forma quadros em matéria de aposentação obrigatória

Mais de 40 técnicos, afetos nas diferentes áreas e unidades orgânicas do Instituto Nacional de Segurança Social (INSS), iniciaram, esta…
Brasil: bloqueio da aplicação Telegram 

Brasil: bloqueio da aplicação Telegram 

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes revogou neste domingo (20) a decisão, assinada por ele mesmo…
Moçambique: Chuvas intensas "desligam" o país ao longo da estrada EN1

Moçambique: Chuvas intensas "desligam" o país ao longo da estrada EN1

Desde o sábado passado, Moçambique está dividido, em resultado do arrastamento pelas águas das chuvas, de duas pontes ao longo…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin