Criada mochila robótica que a torna mais leve do que realmente é

Investigadores da Universidade de Ciência e Tecnologia de Huazhong, na China, criaram um dispositivo robótico que é capaz de tornar as mochilas mais leves do que realmente são.

O estudo designado “Uma mochila que minimiza a aceleração vertical da carga e melhora a economia do caminhar humano“ descreve este projeto como sendo um robot vestível. O robot serve para acoplar nas malas e mochilas e assim, através de diversas funcionalidades, é então capaz de reduzir a força inercial, ou força fictícia, ao caminhar.

Os investigadores explicam que o objectivo da mochila é eliminar a força de inércia da carga que atua sobre os humanos que caminham. Assim os portadores experimentam apenas a força gravitacional. Para realmente beneficiar os transportadores de carga num ambiente externo, a mochila deve ser totalmente autónoma e capaz de transportar cargas substanciais.

A mochila projetada consiste num sistema passivo para suspender a carga e um sistema ativo para ajustar a aceleração da carga útil. Todos os componentes passivos e ativos são integrados numa estrutura de mochila de fibra de carbono, que foi presa ao seu utilizador pela interface física (como alças do ombro e cinto).

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Exoneração do Primeiro Ministro

Moçambique: Exoneração do Primeiro Ministro

O Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, no uso das competências que lhe são conferidas pela alínea b) do número…
Angola: Angolanos fugidos da Ucrânia podem chegar este mês

Angola: Angolanos fugidos da Ucrânia podem chegar este mês

O Governo angolano está a analisar a possibilidade de fretar um avião com o objetivo de trazer para Luanda os angolanos…
Timor-Leste: Governo diz-se solidário com povo ucraniano

Timor-Leste: Governo diz-se solidário com povo ucraniano

O primeiro-ministro timorense, Taur Matan Ruak, manifestou a solidariedade do seu Governo para com o povo ucraniano, que continua a…
Revista de Imprensa Lusófona de 03 de março de 2022

Revista de Imprensa Lusófona de 03 de março de 2022

O “Jornal de Angola” noticia “Angolanos que fogem da Ucrânia podem chegar a Luanda este mês”. Segundo a “Angop”, os…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin