Jovens cabo-verdianos criam negócio no Ruanda

Dois jovens cabo-verdianos, Odair Monteiro e Andreia Ramos, criaram um negócio de gelados e doces artesanais, “Nziza Candy & Ice Cream”, em Kigali, Ruanda, com produtos à base de ingredientes naturais.

Odair Monteiro que é do Tarrafal de Santiago, é formado em Economia pela Uni-CV e atualmente frequenta o curso de International Business and Trade na African Leadership University, ALU, conta que a “ideia começou a surgir, depois de seis meses em Kigali que começamos a conhecer o lugar e começamos a ver algumas lacunas, coisas que não tem disponível, pesquisámos sobre produtos que não eram vendidos em Kigali e que temos em Cabo Verde. Constatámos que não existiam lojas de doces e gelados de palito, e os gelados em pote eram caros e dali começou a surgir a ideia, porque a matéria-prima para o fazer tinham ali, e vimos que podemos fazer”.

“Os produtos que não são típicos de Kigali, doces e gelados, são caros e nem todas as pessoas conseguem ter acesso e ali vimos a oportunidade e começarmos a preparar-nos, em termos de tempo e recursos para investir” disse Andreia Ramos, da cidade da Praia, estudante da Global Challenges, com foco na Liderança e Saúde.

Estes jovens estudantes, cientes de que não tem direito à bolsa de estudo nos 3 meses de férias, tinham que ganhar uma renda extra de forma a cobrir este período e não passar por “necessidades”. Dali juntaram a oportunidade que foi constatada, por falta de produtos no mercado, com a necessidade de financeira de darem um emprego a eles próprios.

Logo em fevereiro de 2020, começaram a ter a ideia, e a juntar dinheiro, e em junho e julho, foi o momento da implementação do projeto, com a compra de máquinas e matéria-prima. O próximo passo era abrir “a nossa loja, ou colocar apenas o produto e fazer a entrega online, e foi isso que escolhemos. Entregamos também em supermercados, fizemos um contrato onde podemos pagar a taxa ou comissão e eles apenas revendem, logo temos duas opções, entrega em casa ou pode comprar nas lojas” informa Odair Monteiro.

É de referir que a compra online, pode ser feito facilmente à distância porque, os clientes podem comprar através do “Mobile Money”, a partir deste sistema pode-se pagar tudo, desde eletricidade, a fazer compras.

O negócio tem parceria com Yacu Supermarket, Eagle Fruits, Carrefour Supermarket, e disponibilizam 12 sabores, como uva, manga e chocolate, vanilla e chocolate, coco, mancara ou leite e caramelo.

Andreia Ramos mostra que querem expandir para Cabo Verde, República Democrática de Congo e Quénia, enfatizando que “os jovens devem criar sua própria oportunidade aproveitando a nova tecnologia. E que se capacitem a aprender novas línguas, e comecem a consultar em sites projetos a partir da internet que pode não existir em Cabo Verde e quem sabe dali possa surgir uma ideia brilhante de negócio”.

Já Odair Monteiro, refere que “devemos ser ousados, capacitar a nós mesmos e ver o nosso lado empreendedor de forma a ter a liberdade financeira, que é muito importante hoje em dia.”

“Encontramos muitas dificuldades, no momento de entrar em contacto com as lojas para fazer o contrato, porque nem todos aceitam que disponibilizemos o nosso produto, mas a aquisição de matéria-prima e ferramenta foi mais fácil, porque isso há no mercado.”

Ida para Ruanda

Os dois jovens foram para o Ruanda em 2019 com uma bolsa de estudos, através do Instituto Pedro Pires, financiada pela Ficase. Logo que chegaram, dizem, que viram um país incrível, e organizado, em relação à limpeza, saúde e segurança. Mas encontraram a barreira linguística, apesar da língua oficial ser Inglês, nas ruas comunica-se através da língua materna ruandesa.

Anícia Cabral

One Comment

  1. Odair

    Thank you very much.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Brasil: Alta do preço dos fertilizantes no agronegócio faz com que Brasil anuncie plano, para produção nacional do setor

Brasil: Alta do preço dos fertilizantes no agronegócio faz com que Brasil anuncie plano, para produção nacional do setor

O governo federal lançará um plano nacional de fertilizantes emdezembro, em meio à escalada dos preços desses produtos em todo omundo. O objetivo do conjunto de diretrizes é reduzir a extremadependência do Brasil de fornecedores internacionais. Em alguns casos,a importação chega a 95% do que o país consome, o que deixa oagronegócio, principal peso na balança comercial brasileira, muitosuscetível a crises internacionais, como a de agora.A meta, segundo o Ministério da Agricultura, é reduzir aparticipação estrangeira de, em média, 85% para algo em torno de 60%nos próximos 30 anos. Não resolverá a crise atual, que vai impactar asafra 2022/2023, mas pode minimizar futuros choques globais entre ofertae demanda.Os fertilizantes são compostos minerais usados para melhorar anutrição das plantas. “O solo brasileiro é naturalmente pobre emnutrientes e ácido, principalmente no Cerrado“, explica José CarlosPolidoro, pesquisador da Embrapa (Empresa Brasileira de PesquisaAgropecuária) Solos.Os principais fertilizantes usados na agricultura são os do chamadogrupo NPK, em referência às letras que representam os elementos natabela periódica, em que N se refere aos nitrogenados (à base denitrogênio), P aos fosfatados (à base de fósforo), e K aos quecontêm potássio.Apesar de o lançamento coincidir com o agravamento da crise atual, elenão tem o objetivo de resolvê-la. “O plano não visava a uma açãoemergencial. É um plano estruturante, voltado para uma mudança depanorama em 30 anos, com ciclos. Começa com ações de curto até as delongo prazo“, disse Rangel.Carlos Vasconcelos – Correspondente
São Tomé e Príncipe: Desmarcada greve na Saúde

São Tomé e Príncipe: Desmarcada greve na Saúde

Foi desmarcada a greve dos profissionais da Saúde que estava prevista para hoje, dia 22 de novembro. O acordo para…
Moçambique: Proposta de PES e OE para 2022 é de 450 mil milhões de meticais

Moçambique: Proposta de PES e OE para 2022 é de 450 mil milhões de meticais

O Governo de Moçambique estima para 2022 uma despesa total no valor de 450.576,8 mil milhões, que corresponde a 40,1% do Produto…
Campanha #PortugalContraAViolência - Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres

Campanha #PortugalContraAViolência - Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres

Para assinalar o Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres, é hoje lançada a campanha #PortugalContraAViolência. A campanha…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin