Angola assina acordo com a Alemanha para financiamento de infra-estruturas e importações no valor de 500 milhões de dólares

Archer Mangueira, ministro das Finanças angolano, e Thomas Rybicki, vice-presidente para a Área de Financiamento às Exportações do  Commerzbank alemão assinaram ontem, em Berlim, um acordo no valor de 500 milhões de dólares para financiamento de infra-estruturas e importação de equipamento de origem alemã.  

Este acordo foi assinado no âmbito da visita oficial de João Lourenço à Alemanha.  

Os dois países prevêem que o financiamento público “puxe” pelo investimento privado no país.  

Refira-se que ontem João Lourenço declarou, em conferência de imprensa conjunta com Angela Merkel, que Angola tem “necessidade de atrair investimento privado alemão para praticamente todos os domínios da economia”, com enfoque no domínio da defesa.  

Nesse sentido, João Lourenço acrescentou que: “Estamos a convidar os investidores alemães a trabalhar com o Estado de Angola na protecção da nossa costa, com o fornecimento de embarcações de guerra, tal como de outros meios eléctricos, para podermos controlar melhor esta vasta fronteira marítima que é uma parte do golfo da Guiné, uma parte que é cobiçada pelos piratas, pelos terroristas como forma de atingir os nossos países, de atingir as nossas populações, as nossas economias”. 

Angela Merkel disse que “não existe desenvolvimento sem segurança, nem segurança sem desenvolvimento”, mencionando que a Alemanha tem “disponibilidade em cooperar” caso as empresas tenham interesse nisso.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Timor-Leste em risco de grave crise nos preços com conflito na Ucrânia

Timor-Leste em risco de grave crise nos preços com conflito na Ucrânia

O Programa Alimentar Mundial (PAM) avisa que o conflito existente na Ucrânia pode vir a causar aumentos adicionais de preços nos produtos…
Angola: Moco diz que MPLA receia enfrentar Costa Júnior

Angola: Moco diz que MPLA receia enfrentar Costa Júnior

O ex-primeiro-ministro angolano e militante do MPLA, Marcolino Moco, afirmou que o partido no poder, tal como o líder João…
Moçambique quer fortalecer cooperação com STP na Educação

Moçambique quer fortalecer cooperação com STP na Educação

A Embaixadora de Moçambique em São Tomé e Príncipe, Osvalda Joana, partilhou a vontade do país que representa em reforçar…
Cabo Verde: PAICV quer vencer as seis câmaras municipais de Santiago Norte em 2024

Cabo Verde: PAICV quer vencer as seis câmaras municipais de Santiago Norte em 2024

A presidente da Comissão Política Regional do PAICV em Santiago Norte, Carla Carvalho, afirmou que o “grande desafio” do mandato…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin