Angola: CASA-CE defende cooperação entre partidos

O líder da CASA-CE, Manuel Fernandes, defendeu que deve existir um ambiente harmonioso e de cordialidade entre as forças políticas de Angola. O objetivo é haver paz e equilíbrio em época de eleições gerais, que estão previstas para 2022.

O dirigente salientou a importância de o povo angolano poder evoluir e celebrar as próximas eleições num verdadeiro ambiente de festa.

Fernandes fez referência à aprovação, pela Assembleia Nacional, das leis eleitorais, o que inclui, entre outros documentos, as leis do Registo Eleitoral Oficioso e Orgânica das Eleições Gerais. Os diplomas, aprovados a 01 de setembro, clarificam matérias de natureza eleitoral sobre o voto, incluindo na diáspora, e a capacidade eleitoral ativa.

De acordo com o político, a CASA-CE defende que os resultados eleitorais devem ser escrutinados a nível municipal e provincial, e não apenas no centro de escrutínio nacional. No entanto, essa vontade colide com a legislação em vigor no país sobre este assunto, já que a lei estabelece que o escrutínio é feito no centro nacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Angola: Governo aprova mais de 15 mil milhões de kwanzas para Agricultura e Pescas

Angola: Governo aprova mais de 15 mil milhões de kwanzas para Agricultura e Pescas

O ministro da Agricultura e Pescas de Angola, António Francisco de Assis, informou que foram aprovados mais de 15 mil…
MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

Militantes e delegados dos partidos MPLA (Angola), FRELIMO (Moçambique), ANC (África do Sul) e SWAPO (Namíbia) terminam neste sábado, 26…
Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

O presidente da Comissão de Administração Pública e Poder Local da Assembleia da República de Moçambique, Francisco Mucanheia, chefiou um…
Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

O Ministério das Finanças de Timor-Leste informou, através de um documento, que a construção do Porto de Tíbar chegou a 72%…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin