Angola: CASA-CE nega crise interna perante possível abandono de dirigente

A CASA-CE reafirmou a existência de coesão interna da coligação e negou as informações que têm circulado, chamando as mesmas de “falsas”. Isto porque se comenta acerca de um alegado “ambiente de instabilidade na relação” entre os membros e dirigentes desta organização política. 

Tal acontece numa altura em que há rumores sobre o possível abandono do dirigente do PADDA-AP, Alexandre Sebastião, da CASA-CE. A hipótese foi avançada por membros do grupo parlamentar da coligação angolana. 

Segundo essas fontes, Alexandre Sebastião está de “malas quase feitas” para abandonar a coligação e concorrer de forma isolada, nas próximas eleições gerais de 2022, “por não existir convergência entre os partidos coligados”. 

O motivo do possível abandono é, alegadamente, o facto de o político considerar que na CASA-CE não há ninguém com o interesse de servir, mas sim com ambições pelo poder político. 

Recorde-se que a coligação, criada em 2012, é formada pelos partidos PADDA-AP, PALMA, PPA e PNSA desde a sua fundação. Mais tarde, em 2017, entrou o BD e o PDP-ANA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Renamo comenta "invenção da Frelimo" sobre Junta Militar

Moçambique: Renamo comenta "invenção da Frelimo" sobre Junta Militar

O secretário-geral da Renamo, André Mangibire, afirmou à “STV” que duvida da existência de um novo líder da Junta Militar…
Timor-Leste: Candidatos presidenciais assinam pacto da unidade nacional

Timor-Leste: Candidatos presidenciais assinam pacto da unidade nacional

A maioria dos candidatos presidenciais assinou nesta segunda-feira, 28 de fevereiro, o pacto da unidade nacional. O objetivo é assegurar a…
Cabo Verde: Brava anuncia formação gratuita em Marketing Digital

Cabo Verde: Brava anuncia formação gratuita em Marketing Digital

Já estão abertas as inscrições para uma formação gratuita em Marketing Digital na ilha da Brava, avança “A Nação”. Esta…
Ucrânia: Presidente assina pedido de adesão à União Europeia

Ucrânia: Presidente assina pedido de adesão à União Europeia

O Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, assinou nesta segunda-feira, 28 de fevereiro, o pedido formal de adesão à União Europeia…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin