Angola: CASA-CE reflete sobre “o presente e o futuro da coligação”

O líder da CASA-CE, Manuel Fernandes, apelou aos membros da coligação para serem resilientes e manterem-se firmes após os maus resultados das eleições gerais de 24 de agosto. Recorde-se que a coligação passou de 16 para zero deputados na Assembleia Nacional

O incentivo foi feito no sábado, 22 de outubro, durante a intervenção no Conselho Consultivo da organização política. Fernandes pediu união, trabalho abnegado, espírito de inovação e honestidade para que a CASA-CE possa avançar. 

“Temos de estar cientes que estamos perante a um novo cenário que nos remete a uma profunda reflexão sobre o presente e o futuro da coligação”, disse, citado pelo “Portal de Angola”. 

O dirigente considera necessário que os membros analisem as falhas ocorridas 
na preparação e durante o processo eleitoral, que originaram a perda dos 16 assentos parlamentares. Admitiu que houve falhas na execução de orientações, entre outras, na execução da estratégia eleitoral no contacto com os cidadãos e no recrutamento dos delegados de listas.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Guiné Equatorial: Vice-presidente acusa Espanha de "humilhar" o país

Guiné Equatorial: Vice-presidente acusa Espanha de "humilhar" o país

O vice-presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Nguema Obiang, acusa a Espanha de “humilhar” e “desacreditar” o país depois de a…
Moçambique: Operação "Vulcão IV" decorre no distrito de Macomia

Moçambique: Operação "Vulcão IV" decorre no distrito de Macomia

As Forças Armadas de Defesa de Moçambique (FADM) informaram nesta terça-feira, 03 de janeiro, que está em curso a Operação…
Timor-Leste: Taxa de execução do OGE 2022 foi de 78,75%

Timor-Leste: Taxa de execução do OGE 2022 foi de 78,75%

O Governo de Timor-Leste executou em 2022 cerca de 78,75% do valor total do Orçamento Geral do Estado (OGE) desse…
Moçambique: Atraso de salários gera greve no município de Nacala

Moçambique: Atraso de salários gera greve no município de Nacala

Mais de setecentos funcionários e agentes do Estado afetos ao Conselho autárquico de Nacala, na província de Nampula, encontram-se em…