Angola: Chefe de Estado contrata Rothschild para fundo de investimento

O chefe de Estado angolano, João Lourenço, autorizou, por ajuste directo, a contratação do grupo Rotschild & Co. O objetivo é apoiar a criação de um fundo direcionado ao Investimento Directo Estrangeiro e a financiamento de projetos específicos. 

Num Despacho Presidencial datado de 06 de janeiro e citado pela “Lusa” lê-se que existe a “necessidade de aquisição de serviços de consultoria financeira internacional para a assistência na criação de um Fundo de Captação de Investimento Directo Estrangeiro e financiamento de projetos específicos”

O Presidente da República delegou, através desse documento, competências do procedimento de contratação à ministra das Finanças, Vera Daves“O Ministério das Finanças é autorizado a inscrever o projeto no Programa de Investimento Público (PIP) e assegurar a disponibilidade dos recursos financeiros necessários à boa execução do contrato”, indica o documento. 

Trata-se de um contrato avaliado em por 480 mil euros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

O Presidente russo, Vladimir Putin, apelou ao Exército ucraniano para que retirasse o apoio ao Governo ucraniano, o que significa…
Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmytro Kuleba, confirmou os relatos de ataques e bombardeamentos a creches e orfanatos…
Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

As autoridades russas detiveram mais de 1.800 manifestantes que se opuseram à invasão à Ucrânia.  “Nós estamos preocupados com as…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin