Angola | Portugal

Angola e Portugal analisam cooperação

Angola e Portugal analisaram nesta segunda-feira, 19 de abril, o incremento da cooperação em vários domínios. O estudo decorreu durante uma reunião entre o governador de Benguela, Luís Nunes, e a secretária de Estado das Comunidades Portuguesas, Berta Nunes. 

No final do encontro, Berta Nunes informou a imprensa que o objetivo é reforçar os laços já existentes entre ambos os países e trocar impressões úteis sobre a cooperação bilateral nos domínios da educação, saneamento básico e em outras áreas consideradas importantes para o desenvolvimento de Angolaprincipalmente da província de Benguela. 

Ainda de acordo com a secretária de Estado portuguesaos dois países têm estado a trabalhar num acordo para facilitação de vistos a nível da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) e bilateral. 

Berta Nunes, que também visitou o consulado geral de Portugal em Benguela, acrescentou que se pretende melhorar o atendimento nesta instituição, primando-se pela qualidade e rapidez. “Vamos continuar a trabalhar para melhorar o atendimento não só aos cidadãos portugueses, mas também aos angolanos quando solicitarem os serviços do nosso consulado”assegurou. 

A representante de Portugal encontra-se em Angola em visita de trabalho de cinco dias, tendo estado presente no sábado, dia 17, na inauguração do consulado honorário de Portugal na cidade do Lubango, província da Huíla. 

Por sua vez, o embaixador de Portugal em Angola, Pedro Pessoa e Costa, salientou que a província de Benguela tem uma atenção especial por albergar uma comunidade lusa relevante, tratando-se da segunda mais numerosa em Angola, depois de Luanda. 

“Notamos que aqui em Benguela existe também uma grande oportunidade de negócios e de parcerias entre angolanos e portugueses, no âmbito da diversificação da economia”observou. 

Angola acolhe, atualmente, mais de 120 mil cidadãos portugueses e Portugal mais de 20 mil angolanos. Ambos cooperam em diversas áreas, entre as quais administração local, capacitação e formação técnico-profissional e cooperação institucional, segurança e ordem interna, através de projetos de intercâmbio, formação e assessoria técnica especializada.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo