Angola

Angola: Economia pode sofrer “maior contração desde a guerra civil”

O gabinete de estudos do Banco Fomento Angola (BFA) prevê uma “forte recessão” da economia angolana durante este ano. A instituição financeira espera assim “a maior contração desde a guerra civil”

Tal poderá ultrapassar os 5%, sendo algo sustentado pela quebra da produção petrolífera. Entre essa quebra e a pandemia da Covid-19, o país vai enfrentar então “um ano bastante complicado”.

Numa nota enviada aos clientes sobre a evolução da economia angolana, o BFA escreve que 2020 deverá ser “um ano bastante complicado para a economia angolana, esperando-se que a atividade económica tenha a maior contração desde 2008”.

Em 2020, acrescenta, é esperado “que a economia angolana vá ter a sua maior contração desde a guerra civil [que terminou em 2002], possivelmente superior a 5%”.

O gabinete de estudos do BFA aponta que o Produto Interno Bruto angolano contraiu 1,8% no primeiro trimestre face ao período homólogo de 2019.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo