Angola: ERCA alerta comunicação social para parcialidade na política

A Entidade Reguladora da Comunicação Social Angolana (ERCA) avisou em nota os meios de comunicação social, “independentemente do seu regime de propriedade”, que deve ser garantida “a objetividade e isenção da informação”.

Segundo o órgão, tem faltado “equilíbrio e isenção” no tratamento das notícias no país. Como exemplo, deu essa “falta de equilíbrio e isenção” na cobertura dos congressos do MPLA e da UNITA.

Na nota pode ainda ler-se que “a cobertura mediática feita aos congressos dos dois maiores partidos políticos do país, ocorridos em dezembro de 2021, veio demonstrar tal falta de equilíbrio”.

“O conselho directivo da ERCA apela à assumpção da responsabilidade editorial dos meios de comunicação social e dos princípios que conformam a sua actividade, e que se garanta a sua equidistância perante os poderes político e económico, de acordo com os ditames da Constituição da República de Angola e da Lei”, refere.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

O Ministério das Finanças de Timor-Leste informou, através de um documento, que a construção do Porto de Tíbar chegou a 72%…
Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

O Presidente russo, Vladimir Putin, apelou ao Exército ucraniano para que retirasse o apoio ao Governo ucraniano, o que significa…
Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmytro Kuleba, confirmou os relatos de ataques e bombardeamentos a creches e orfanatos…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin