Angola: Ex-secretário-geral do MPLA não acredita na vitória do partido

Membros do MPLA

O ex-primeiro-ministro de Angola e ex-secretário-geral do MPLA, Marcolino Moco, disse não acreditar na vitória do seu partido nas eleições gerais. O sufrágio está marcado para 24 de agosto

Em entrevista à “DW África”, Moco aconselhou a realização de “um pacto [de estabilidade] pré e pós-eleitoral para tranquilizar as partes de que, ganhe quem ganhar, não haverá problemas de maior”

Para o político, uma vitória do MPLA seria por via de um “milagre” que se traduziria na “fabricação” dos resultados. 

“Imaginar que o MPLA vai ganhar é qualquer coisa de miraculoso. Mas pode acontecer uma vitória fabricada e que depois venha a ser aceite por questões pragmáticas. Então, a hipótese de a oposição ganhar é muito [maior] se houver transparência”, partilhou. 

Neste cenário de derrota, prosseguiu, só um pacto pré e pós-eleitoral haveria de permitir que houvesse “cooperação na passagem de pastas e, sobretudo, a garantia daqueles que estiveram no poder durante muitos anos de que os seus negócios, desde que sejam a favor do país, não serão beliscados”.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Moçambique recebe do Japão cinco viaturas de bombeiros

Moçambique recebe do Japão cinco viaturas de bombeiros

O Governo japonês disponibilizou cerca de 170 mil dólares a Moçambique para a aquisição de cinco viaturas destinadas ao Serviço…
Angola: Reintegrados mais de 500 ex-militares em ações contra fome e pobreza

Angola: Reintegrados mais de 500 ex-militares em ações contra fome e pobreza

A vice-governadora provincial para o setor Político, Social e Económico de Benguela, Lídia Amaro, afirmou que 593 ex-militares foram reintegrados…
Banco Mundial indica crescimento de 4,1% para Timor-Leste

Banco Mundial indica crescimento de 4,1% para Timor-Leste

O Banco Mundial prevê que Timor-Leste registe um crescimento económico de 4,1% em 2024 e 2025, através do alívio das…
UE doa 50 milhões de euros à ONU para refugiados palestinianos

UE doa 50 milhões de euros à ONU para refugiados palestinianos

A União Europeia (UE) anunciou o envio da próxima parcela de 50 milhões de euros para a Agência das Nações…