Angola: Governo quer criar 83 mil empregos até 2021

A ministra da Administração Pública, Trabalho e Segurança Social (MAPTSS) de Angola, Teresa Dias, afirmou que o Governo prevê criar, até 2021, cerca de 83 mil empregos diretos para os jovens. 

O anúncio foi feito em Luanda, no acto de lançamento da campanha de divulgação dos feitos do Executivo, apresentada pelo Movimento Nacional Angola Avante (MONAA). 

Ainda de acordo com a governante, o Programa de Acção de Promoção de Empregabilidade já está a ser concretizado nas províncias do Uíge, Namibe e Cuando Cubango e Huíla. Tal decorre através de ações de microcrédito, autoemprego com kits de empregabilidade e também formação profissional. 

Teresa Dias reconheceu as dificuldades do país, que pioraram devido à pandemia da Covid-19e aproveitou a ocasião para aconselhar as empresas a não despedirem trabalhadores sem justa causa. 

“Tem sido um desafio enorme, nesta fase, conseguir garantir a manutenção e aumento da empregabilidade. O novo coronavírus trouxe muitas consequências e o desemprego é uma delas”partilhou. 

Segundo o MONAA, o Governo enquadrou, nos setores da Educação, 300 mil novos professores e funcionários administrativos. Na Saúde registaram-se sete mil funcionários, entre médicos, enfermeiros, técnicos médios de enfermagem, farmacêuticos, analistas, auxiliares de limpeza, técnicos de raio X e especialistas em diversas áreas. Já na Justiça foram colocados três mil funcionários e 12 mil cadetes nos institutos de ensino militar.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Estudo com 4 245 psiquiatras da Europa sobre o estigma associado à doença mental na prática clínica apresenta primeiros resultados

Estudo com 4 245 psiquiatras da Europa sobre o estigma associado à doença mental na prática clínica apresenta primeiros resultados

A promoção de uma cultura laboral que inclua iniciativas anti-estigma e a integração destas ações nos programas de formação em…
Moçambique: População ainda se mantém no posto administrativo de Mucojo apesar da ordem de evacuação

Moçambique: População ainda se mantém no posto administrativo de Mucojo apesar da ordem de evacuação

Ainda há população nas aldeias do posto administrativo de Mucojo, distrito de Macomia, apesar de ter sido decretada a evacuação…
Moçambique: Terroristas atacam Quissanga – sede e ilha Quirimba, em Ibo

Moçambique: Terroristas atacam Quissanga – sede e ilha Quirimba, em Ibo

O último fim-de-semana foi marcado por mais uma investida dos grupos terroristas, no distrito de Quissanga e na ilha Quirimba,…
Cabo Verde: Perfil do candidato Aquilino Varela

Cabo Verde: Perfil do candidato Aquilino Varela

Aquilino Varela é um educador, analista político e defensor apaixonado do desenvolvimento comunitário. Nascido e criado em Gil Bispo, Santa…